terça-feira, 19 de abril de 2011

Aqueles olhos.



Algo aconteceu.
Foram os olhos.Sim os olhos. Ele sorriu ao lembrar, os olhos, já disse o poeta, são as janelas da alma. Os olhos eles não conseguem mentir.
Foram aqueles olhos que o fizeram viajar por horizontes desconhecidos.
Ele, sempre tão racional, focado e decidido. Pé no chão. Assusta-se com os delírios e suspiros que     lhe acometeu aquele olhar. Entre sorrisos e um olhar distraído ,um questionamento, Mas assim tão rápido? 
Ele tão cheio de suas próprias teorias, cheio das regras que criou para cruzar os dias. Vê, num breve espaço de tempo tudo se esvair. Virar pó. O vento levou. Medos, desilusões, frustrações? Imagine! Ele se convence que sempre acreditou no amor. Sim. Troca as frases pessimistas por vislumbres de dias repletos de mel e sol.
Tudo mudou, virou passado após aquele olhar. Aquele sorriso. Os gestos. A poesia. Uma outra alma. E então tudo que parecia impossível, improvável e inconcebível aconteceu.
Ele então se pega a pensar no tempo que passou criando tantas faces para se proteger. E nota que todas as frustrações, tropeços do caminho, medos bobos, tudo foi necessário para que ele pudesse ver a verdade oculta dentro de si que aqueles olhos lhe permitiram ver.
Um amor. 
Um amor que molda os dias, que transcende , que fala pelos olhos, pelos sorrisos , e que se transforma em várias outras formas de amor. Amor que faz brotar no  peito o desejo de ser poeta, de fazer melodias, de fazer conhecido todo esse sentimento
Amor de eternidade. De presente. 
Amor que ele desvendou através daqueles olhos. Olhos que desvendaram a sua alma.
Que abrem caminhos que ele deseja permanecer para sempre e viver as possibilidades que enxergou através daqueles olhos. 

3 comentários:

Anônimo disse...

Que bonito, Bete...

Você sabe usar as palavras, e o coração..

Abraço,
JAIR

Regi disse...

Ah... vc desvenda a minha alma! Bete vc tira de mim coisas que só vc poderia, inclusive as lágrimas com esse texto tão MEU!!
Te amo e aprendi a ver o mundo com novos olhos, porque vc me ajudou!!

Regi

¨*¨Vanes$a¨*¨ disse...

Nossa.. Você é realmente, incrivel, tive o prazer de conhecer seu blog e digo P a r a b é n s, o que não é nada comparado a tudo o que você expressa e escreve e reluz... Beijosss..