segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Por ter você!




Mas se você caminhar comigo nenhuma estrada é tão longa. Não vejo tantos obstáculos no caminho.
Se você está aqui não tenho o que temer.
Só porque você está aqui já não me recordo da dor, do cansaço ou das frustrações.
Só por ter você. Perto ou longe. Nada é insuperável. Insuportável ou perturbador.
Nada mais é.
Só por ter você!

Um comentário: